domingo, maio 3

Loulé também homenageou o Dr. Magalhães

A minha terra, em boa hora, resolveu fazer mais uma homenagem ao saudoso Dr. Magalhães!
Daí, eu que estava lá bem no meio da serra algarvia, num sítio que muito poucos conhecem e que dá pelo nome de Corte Buxo, fui à vila, (era assim que se dizia antigamente até que a vila virou cidade), mas,... fui a Loulé, representando alguém que já não pode ir, mas que nutria uma admiração e grande amizade pelo Dr. Magalhães!
Homenagem simples, tal como o homenageado foi sempre «:- Um Simples Grande Homem!
Senti-me bem por poder estar a representar o tal alguém que onde quer que esteja terá ficado contente com a minha presença ali naquele momento!
E fiquei contente por rever alguns Amigos que não via há muito e que também lá estavam!
Disse o Presidente da Câmara de Loulé, que não foi por acaso que a Av. Dr. Joaquim Magalhães ficava situada entre duas escolas de Loulé!
Que melhor sítio para perpetuar o nome do Dr. Magalhães!
Obrigado, Loulé!

3 comentários:

Camila disse...

Olá, Pedro.

Há muito tempo que não o via mas esta tarde tive a felicidade de me cruzar consigo num determinado cruzamento (passe a redundância) semafórico louletano.

O Pedro lá seguiu bem "montado" (como sempre) para Faro com o seu fiel amigo confortavelmente instalado na "caixa" da viatura.

Foi bom revê-lo.;)

Abracinho.

Camila

Anónimo disse...

O grande pensador Belmiro de Azevedo acha que os salários dos portugueses deveriam baixar para metade. No Blog Mala Aviada há uma resposta que aqui se deixa:Aqui há dias li que Belmiro de Azevedo era de opinião que os salários dos portugueses deveriam ser reduzidos para metade de modo "a salvar ou país" ou qualquer coisa no género.
Hoje, parece que comentando a pretensão do governo de impor limites às remunerações dos gestores das empresas públicas ou com larga participação do estado, o dono do Público vem defender o contrário referindo que desse modo o Estado correria o risco de ter empresas onde só ficassem os "bananas".
Belmiro sempre coerente e transparente.
Deve ter seguido Manuela Ferreira Leite e a sua politica de verdade.
É que o "empresário" nunca deixou de pensar assim.
Só que agora foram criadas as condições para dizê-lo.
Agradeça a Sócrates!
Postado por aviador

Anónimo disse...

Sobre as homenagens ao Dr. Magalhães, também em Faro as houve, durante uma semana. Na escola que, em vida, lhe deu o nome, no Clube Farense, no Conservatório, na Biblioteca...Estamos tão atentos ao que se passa noutras paragens que não vemos o que se passa à frente dos nossos olhos. Até já!!!