terça-feira, novembro 17

Vergonha dos “Jobs for girls”

Em Agosto passado a Governadora Civil de Faro, Isilda Gomes pediu a demissão para se apresentar como candidata às eleições legislativas!
Até aqui tudo bem!
Demitida que foi o Governo nomeou novo Governador Civil, e foi empossado, de seu nome Carlos Gomes!
Ainda até aqui, tudo bem!
Mas, como as eleições correram mal e o PS/Algarve perdeu três lugares, não foi eleita a candidata Jamila Madeira!
Não podia ser! Tinha que se arranjar lugar para esta candidata não eleita!
Vai daí, o Governo, retira Carlos Gomes de Governador Civil de Faro, pouco mais de 2 meses depois de o ter lá posto, volta a colocar lá Isilda Gomes, e assim, Jamila Madeira já entra como deputada!
O que dizem a isto?
Será que não é vergonhoso?
Nada me move contra Jamila Madeira, bem pelo contrário, até porque sou amigo dos Pais e reconheço nela muito potencial!
Mas isto ultrapassa as raias da decência, não acham?
E com Governantes a fazerem estes arranjinhos, o que podemos esperar?
“Aqui nem se oculta a face”!
Oh, Portugal, Portugal! Onde é que tu vais parar...

22 comentários:

Anónimo disse...

só me espanta como é que alguém ainda se espanta com isto!

floripes disse...

pois mas o mais grave, é que quem liderou a lista pelo algarve, foi j.soares ,que a unica coisa que conhece do algarve, é a casa clandestina do pai mario soares no alvor.
ou seja só não é clandestina porque o marios oares foi 1º mionistro e presidente da republica.

marceano disse...

Devemos honrar os Cidadãos, Carlos Gomes e Isilda Gomes. Sem qualquer dúvida. Mais não digo destes cidadãos. Nunca contestados. E que respeito.
A actuação de quem manda, aiii, isso sim.
Pensarão, porventura que são os donos de Portugal...
Isso, não.
Veremos o que decorre da justiça portuguesa.
E mais não digo, hoje.
Honremos os citados, gente de honra.
Aguardemos.
Teremos de confiar, ainda...

Anónimo disse...

agora não falas dos ares condicionados nem dos bombeiros, à uns meses atrás não te calavas, tem vergonha e acaba com as fantochadas

Pedro Cabeçadas disse...

Este anónimo pacóvio e obtuso só diz asneiras!Ainda não digeriu a derrota!Falo do que quero!!!
E quem está mal muda-se! Perdeu o job??Daqui a 4 anos há mais!Pode ser

Anónimo disse...

Há MUITO tempo que verifico que este Blogue tem uma côr política preferida!
Como apartidário que sempre fui, posso verificar as tendências dos vários Posts e comentários aqui expressos, tanto por simples simpatizantes ou talvez militantes das várias tendências políticas.
A justificar o que acima afirmo registo o conteúdo da resposta do administrador deste Blogue ao comentário do hanónimo das 6:32 PM. Não tenho dúvidas; todos se pronunciam de modo a defender a sua”DAMA”.
Isto para dizer, que em minha opinião, tanta razão tem o referido comentador hanónimo como o Administrador do Blogue quando refere no seu Post: "Vergonha dos Jobs for Girls" a malhosa troca e destroca efectuada com o Governador Cívil do Distrito de Faro.
Meus senhores ; entre “Laranjas; Rosas e outros que tais, venha o diabo e escolha! A “COISA” é sempre a mesma !!!!!!!!!!

Com o comportamento destes “políticos” o nosso Portugal não vai longe.

Cumpts.

Pedro Cabeçadas disse...

O leitor tem todo o direito de dizer que este blog tem uma côr politica preferida!Mas eu também não tenho partido! Serei como o senhor apartidário! Mas, não apoio partidos mas sim pessoas!E se há 4 anos apoiei Apolinário (Seria eu PS?)agora apoiei Macário (Serei agora PSD?)!Tire as suas conclusões!

Olho Vivo disse...

Em minha openião deviam acabar os partidos! Votava-se em personalidades. Esta história de alinhar umas pessoas à direita outras à esquerda, Só promòve divisão, confrontação, `Odios, lutas, conflito e empobrecimento.
Está claro, que há quem beneficie com tudo isto, mas não o Pais!

Anónimo disse...

Dignissimo Amigo Pedro Cabeçadas, no meu ponto de vista não podemos ser simpatizantes de algo que gostamos. Pois, aparece sempre alguém a criticarmos porque gostamos de automoveis e não de motos. Pois, sou a dizer-vos que no meu caso pessoal mantenho as minhas ideias, batendo-me por elas. No vosso caso, sou a dizer para o meu Amigo continuar com os seus ideais.
Cumprimentos amigos,
F. Moleiro

Anónimo disse...

Caro Senhor

Penso que está a ser injusto com a Jamila Madeira e está, eventualmente sem querer, a branquear a ambição desmedida, o calculismo, o carreirismo, o tacticismo da Isilda Gomes.
Não branquei que esta senhora pula de cargo para cargo, pede votos para uma coisa, aceita a nomeação para outra, servindo-se dos cargos e da política com um descaramento que há muito não se via.
Certo que a Jamila sai beneficiada com a saída da Isilda, mas não é isso que importa destacar nesta história de "girls".
Diga-lá se tenho ou não razão?
Respeitosos cumprimentos

Anónimo disse...

vergonha é roubar e ser apanhado.
esta gente nunca é apanhada.

Lima disse...

No meu tempo dizia-se que: "vergonha era roubar, e não ser capaz de levar"

Anónimo disse...

Oh Pedro,
Li uma entrevista dessa senhora,a que foi eleita pelos Algarvios para a Assembleia da Republica, onde a mesma dizia que estava para servir o partido (vide Barlavento de ontem). Ora se quando os eleitores da nossa Região lhe concederam o voto soubessem disso ainda lhe teriam concedido o seu voto? Acredito que não.
Já agora e para descromprimir dado que a rapariga Madeira tinha à força de entrar em qualquer coisa (ele foi as Europeias onde não acreditaram na míuda, ele foi as Legislativas onde tambem ficou de fora) aqui vai um caso verídico:
"
Millôr Fernandes lançou um desafio aos seus ouvintes através de uma pergunta na rádio:

- Qual a diferença entre Político e Ladrão ?

Chamou muita atenção a resposta enviada por um leitor :
- Caro Millôr, após longa pesquisa cheguei a esta conclusão : a diferença entre o político e o ladrão é que um eu escolho, o outro me escolhe. Estou certo ? Fábio Viltrakis, Santos-SP.

Eis a réplica do Millôr :
- Puxa, Viltrakis, você é um gênio... Foi o único que conseguiu achar uma diferença!
"

É caso para perguntar: a rapariga Madeira é escolhida por nós (parece que o não foi),ou é ela que nos escolhe (por sermos Algarvios)?

Abraços

Hilário disse...

Qual o motivo do não aparecimento do meu comentário?
Um Abraço

Pedro Cabeçadas disse...

Caro Hilário
Não tenho nenhum comentário pendente de publocação!
Peço que reenvie!
Não publiquei dois comentários de uns monárquicos de Estoi, um barão e uma baronesa mas que são uns ordinários e que nem para tratar das cavalariças do rei serviam!
Abr

Anónimo disse...

O Governo Civil serve pra quê?...

Compadre Alentejano disse...

É preciso que se lembrem que a Jamila não pode ficar de fora!...
E que, geralmente, os derrotados da política vão para governadores civis. Para que servem? Autorizarem bailes...
Compadre Alentejano

Anónimo disse...

Fizeste bem, Pedro em não publicar os comentários dos barões de Estói.

Conheço-os bem e são fidalgos arruinados e despeitados.

Dizem mal de tudo e de todos

Há que respeitar a democracia e a liberdade de escrita.

Fizeste muito bem, Pedro

Carlos do Esteval

Anónimo disse...

Vende-se terreno junto a Espanha.

Anónimo disse...

Se o Mário Soares tem 2 casas no Algarve não sei e não me admira porque quem tem dinheiro pode ter quase tudo, mas se calhar a Senhora está enganada com a geografia pois a casa do dito Sr. no Algarve não é no Alvor mas sim no Vau ou seja junto á Praia da Rocha e não é clandestina pelo que sei.Não vale a pena inventar com a pressa de falar mal.Se calhar haverá algo a apontar que tivesse existido.

Anónimo disse...

Sr. Pedro Cabeçadas, o Sr não deveria perder a compostura e utilizar linguagem do mesmo tipo do comentador.Também deveria acabar de vez com a conversa da "derrota".Como o Sr. diz e muito bem, agora há um Presidente.Ganhou, e acabou, e já se começaram a ver algumas mudanças,embora faltem muitas, mas está no princípio.Penso que não faz bem nenhum reavivar fanatismos, de um lado ou de outro.
O tempo irá mostrar se Faro ganhou ou não.Até agora parece que sim.

Anónimo disse...

Concordo.