quinta-feira, dezembro 3

Vacinar ou não vacinar, eis a questão

A Gripe A assumiu há muito o protagonismo normal de uma pandemia!
Depois dos laboratórios, numa autêntica maratona, terem "arranjado" uma vacina indicada para o virús H1N1, começaram a circular notícias dos efeitos secundários da mesma!
Compreendo perfeitamente as dúvidas que surgem ao comum cidadão, perante toda a informação que o assunto gerou!
Devo confessar, desde já, que já fui vacinado!
Se tiver que morrer duma vacina, não morro de um acidente ou de um AVC.....
Mas, o porquê deste "post"?
Todo o cidadão é livre de não querer ser vacinado!
Perfeito!
O que é grave, e triste, é o cidadão ter um dia e hora marcado para ser vacinado, e depois não aparecer!
Cada dose dá para 10 adultos ou 20 crianças!
Depois de aberto o frasco, tem que ser utilizado em 24 Hs..
O Centro de Saúde de Faro tem feito um esforço tremendo para agendar com os utentes o dia e hora de vacinação !
Há toda uma equipa a trabalhar mais de 12 horas por dia para que o programa de vacinação seja feito sem desperdícios de vacinas!
Acontece, que, infelizmente, muitos dos utentes, depois de confirmarem a sua presença para serem vacinados, pura e simplesmente não aparecem!
Esta falta provoca inúmeros problemas e o refazer da programação, ao ponto de se procurar em cima da hora e de entre utentes presentes no Centro de Saúde, e dos próprios funcionários, alguém para ser vacinado e não se desperdiçar uma vacina!
Quem não quiser ser vacinado tem todo o direito em fazer esta opção!
Não tem é direito a provocar desperdícios de vacinas e jogar por terra o trabalho dos profissionais da saúde que tentam racionalizar ao máximo todo o programa de vacinação!
Se não quer ser vacinado, não confirme o seu interesse!
Basta dizer:- "Eu não quero ser vacinado!"
Poupa-se tempo e desperdício de meios !
É o minímo que se exige aos utentes do Serviço Nacional de Saúde!

13 comentários:

Griséu Kross disse...

Muito bem dito!
E quem fala assim não é surdo!

Anónimo disse...

Tudo era evitável se tivessem comprado vacinas de dose única.

A compra foi mal feita, os esclarecimentos sobre a vacina também foram escassos.

E as pessoas têm a liberdade de mudar de opinião.

Mais, por este andar começam a pedir aos utentes do SNS para que compareçam com os seus animais de estimação, tem de se gastar as vacinas!

Anónimo disse...

e os nossos governantes vacinaram-se, são imunes à gripe dos porcos ou nem estão para aí virados?
era interessante saber!

Anónimo disse...

e os nossos governantes vacinaram-se ou serão imunes à gripe dos porcos.
era interessante saber!

kr0ss disse...

O nosso 1º ministro e a nossa ministra da saúde já se vacinaram.

Anónimo disse...

esperemos então que as vacinas estejam estragadas!

marceano disse...

A dúvida fica na mesma
eles nada sabem disso
o malpartido não deixa
até entopem a ciencia
a começar pelo mariano gago
mais um absorvido
pela demencia
eles contra, sempre
a fraqueza de temas
sem coerencia.
Que indecencia !

Anónimo disse...

E para quem quiser saber, no Centro de Saúde de Faro NÂO FOI DESPERDIÇADA UMA ÚNICA DOSE, desde o dia 30-11 até ao dia 7-12 foram vacinadas cerca de 1200 pessoas e se não foram mais, foi porque depois de marcarem FALTARAM! Só hoje dia 7 foram administradas mais de 80 vacinas, no entanto ainda faltaram (s/ qq explicação) 40 pessoas que estavam marcadas!

mmerjet

marceano disse...

Será porque que a mensagem política, a vendedora, perdão, a mentora, não passou...
porque antes de tudo isto, antes, já não apoiaram o sector primário: agricultura e pesca. Moribundos..
E agora a saúde pública?
Esta gripe, igual às outras, afecta ou não.
Será uma infecção generalizada?
Será, quê?
Quais as estatisticas alarmantes?
Quantos morrem todos os dias, só nas estradas?
E nos hospitais com infecções hospitalares?? Há solucções redutoras, mas, eles sabem tudo...
Afinal não é só um problema de confiança. Falta eficiência, será do OGE? As pessoas de um país morrem, por estatísticas? apenas??
Os media, jogando nos shares e muita m..mais, deixaram de ser investigadores da opinião.
Funcionam como a emissora nacional do 24 abril 74. todos, não...
Relatores do sistema, olhando apenas para a facturação da publicidade.
E agora, esses meios, são demais.
Na minha opinião, servindo uma coroa...de lata.
Um dia destes, desta m....vamos ficar mesmo cansados: Afinal:
Se votarem todos, muda o sistema.
Se ninguém votar,muda na mesma.!!!
o J.Pelica tem razão: acorda,portugal.
vi tal, em França, a tal oposição: uns já se foram, outros por cá, ainda.
ninguém, dos vivos, diz mais.
O M.Alegre ainda joga nas bitolas dos carris dos comboios.. nada de nada...tudo acomodado???
O Pelica tem razão. Acordem.!
Viva Portugal.

Camisa Rota disse...

Já se vê que a vacinação é um fracasso.

Bastaria olhar para o porta coz punlicitária:
Ana Jorge com aquele rosto amarelecido e adoentado não convence ninguém. Antes pelo contrário, só afasta a clientela.

Ora imaginem uma campanha, assim do tipo:

-A virgindade provoca o cancro, vacina-te

Até bichas se faziam àa porta dos CS da aninhas.

Ainda por cima andam para aí uns ignorantes a dizer: vácina
Vá cina a tia deles, com gente desta quem é que quer ser picado?

Anónimo disse...

Moss Pedro e fazes parte de que grupo de risco?
Vendedores de automóveis?
Bloguer indispensável?
Afilhado do director clinico?
Ou compraste a vacina nos chineses?
Há já sei, como és fumador até acho bem.
Desculpa lá esta.

marceano disse...

Embora retardado, mais um comentário:
Acabou o alarmismo, propalado pela informação que se arrima ao poder, talvez pela ânsia de um contrato...
De qualquer modo isto é mesmo irreversível...!
É que a qualidade humana, aquela que precisamos, está mesmo em perigo.
Desaparece depressa uma ética, uma honra, um sorriso tranquilo, um valor.
Pois.. e depois?
Como muita gente: não fui eu, não fui eu....
Já será tarde.
A globalização, outra desculpa, que já não se irá daqui.
O que é fácil tem sempre um custo excessivo.
Chamam a tal, o diabo, nunca nós.!
Não seremos nós, livres, que o provocamos?
bfs, cumprmts.

marceano disse...

Estou estando aqui, muito.
Hoje 18 de Dez.09, nunca mais se ouviu os media falar da A...
Passaram as eleições, o Estado gastou milhões, o negócio está feito.
Quantas vítimas, mesmo estatísticas, houve?

Agora foi um velho virus, depressa resolvido: os gays podem casar. Como se fosse necessário legalizar tal prática milenar..

E hoje fala-se de Macau. O lobby de grupos definidos..grandes fortunas que passam ao lado, mas não de mim.
Chamarei a tal sucesso, uma corja!!